Jesus, o novo cidadão do Rio de Janeiro

Técnico e ídolo do Flamengo recebe homenagem na Câmara de Vereadores, se emociona, mas não garante permanência

Por O Dia

COM CORRECAO
COM CORRECAO -

Chegou o momento do Rio de Janeiro retribuir a felicidade que Jorge Jesus trouxe para as ruas da cidade no último fim de semana. Ele já tinha dados os primeiro sinais na festa pelo bi da Libertadores, na Presidente Vargas, com direito a funk e samba no pé, e agora pode dizer que é oficialmente um cidadão carioca, após receber o título na Câmara de Vereadores. Em coletiva, porém, deixou o futuro no Flamengo em aberto.

A cerimônia contou com a presença do presidente do clube, Rodolfo Landim, do vice de relações externas, Rodrigo Dunshee, do governador Wilson Witzel e de dezenas de rubro-negros, inclusive um sósia de Jesus, que fizeram a festa na chegada do treinador. Quando ele entrou no plenário, foi recebido por gritos de "Olê, Mister", canto que tem sido habitual nos estádios pelo Brasil.

"Antes de ser cidadão carioca, eu já era brasileiro porque Portugal está ligado ao Brasil desde 1500. Em Portugal, fui sempre ensinado de que o Brasil é um país irmão. Assim que fui educado. Sinto um grande orgulho. Sou grato pela oportunidade de treinar o Flamengo. Nós, Portugal e Brasil, sempre estivemos ligados. O sangue brasileiro corre em mim", disse Jorge Jesus, neto de brasileira, que não conseguiu segurar a emoção e foi às lágrimas.

Em apenas cinco meses, Jesus deu aos rubro-negros a maior alegria desde 1981. Com 78,4% de aproveitamento, apenas duas derrotas em 34 jogos e duas taças conquistadas, ele já se tornou, para muitos, o maior treinador da história do Flamengo. Apaixonada pelo Mister, a Nação morre de medo de perdê-lo na próxima temporada. E as declarações do treinador a deixam mais insegura.

"Estou apaixonado pelo Flamengo, mas a minha vida é esta, é uma vida de paixões, e com o tempo as paixões podem passar. Não é fácil falar sobre o futuro. O futebol é muito ingrato. Passo a passo, vamos pensando o que é melhor para o Flamengo. É claro que, pelo coração, eu pretendo ficar", declarou o português.

Como sonhar não custa nada, o próximo passo é conquistar o Mundial de Clubes, em Doha (Catar). Se avançar à final, dia 21 de dezembro, deve encarar justamente o Liverpool, vice para o Fla de 1981.

Festa no Maraca contra o Ceará

A festa que teve início em Lima e lotou a Avenida Presidente Vargas vai continuar amanhã, no Maracanã, onde o Flamengo receberá a taça de campeão brasileiro de 2019. Mais de 52 mil rubro-negros já compraram ingressos para a partida contra o Ceará, às 21h30.

Os tíquetes mais baratos (R$ 65, para sócios-torcedores), no setor Norte, já estão esgotados. Torcedores que tentam comprar bilhetes pela Internet não estão tendo sucesso, mas podem ser adquiridos nos pontos de venda físicos (Maracanã e lojas oficiais do Flamengo).

Para o duelo com o Palmeiras, domingo, às 16h, o Flamengo pode ser impedido de ter a torcida no Allianz Parque. Segundo o site Globoesporte.com, o Ministério Público e a Polícia Militar de São Paulo recomendam à Federação Paulista que a partida tenha apenas palmeirenses no estádio, por causa do acirramento da rivalidade entre as duas equipes.

Galeria de Fotos

COM CORRECAO ARTE O DIA
NUMEROS JESUS ARTE O DIA

Comentários