Rodrigo Caio  - Reginaldo Pimenta / Agencia O Dia
Rodrigo Caio Reginaldo Pimenta / Agencia O Dia
Por O Dia
Catar - O Flamengo encara na próxima terça-feira o Al Hilal, da Arábia Saudita, pela semifinal do Mundial de Clubes. Mesmo que ainda não tenha nada garantindo, é inevitável não pensar em um possível confronto contra o Liverpool na final da competição. Em entrevista ao "UOL", o zagueiro Rodrigo Caio falou sobre o time inglês e a necessidade de ser corajoso nesse tipo de jogo.
"Corajosos vamos ter de ser. Não podemos ir com tudo, entrar de peito aberto, mas com muita coragem e obediência tática. Todos jogadores concentrados. O time deles constrói, temos de marcar desde lá na frente. A bola não pode estar descoberta, assim a gente poderá impor nossas ideias. Nosso estilo de jogo é esse. Se impusermos nosso ritmo, temos grandes chances.", disse.
Publicidade
O defensor também fez uma análise dos laterias dos Red e demonstrou que o clube carioca está preparado para o confronto.
"Os laterais (Alexander-Arnold e Robertson) são o coração do time deles. Os méritos vão sempre para quem faz os gols, mas nós, que jogamos atrás, analisamos de uma forma diferente. Os laterais deles são fundamentais, eles que iniciam todo jogo".
Publicidade
"Nós temos preocupação, mas eles também têm. Importante é que a gente faça nosso futebol.", comentou.