Presidente do Flamengo cita maiores desafios para 2020: 'Foco é conquistar tudo'

Rodolfo Landim marcou presença na apresentação de Gabigol

Por Lance

Presidente do Flamengo, Rodolfo Landim
Presidente do Flamengo, Rodolfo Landim -
Rio - Diante do microfone, Rodolfo Landim pediu a palavra após a entrevista coletiva de Gabriel Barbosa, (re) apresentado neste sábado, no Ninho do Urubu. O presidente do Flamengo, além de um balanço a respeito da janela, destacou a importância na manutenção de quase todo o elenco e dos desafios de "se manter no topo".

"É difícil chegar no topo, mas muito mais difícil se manter no topo. A primeira preocupação foi a manutenção desse elenco, esse esforço que estamos vendo com o Gabigol é importante, mas outros também foram. A renovação de jogadores fundamentais, como caso do Willian Arão, do Bruno Henrique, do Everton Ribeiro, sem falar do Gabriel. É muito difícil", disse, completando:

"O que a gente vê em muitos casos é que se forma o time, esse time atinge um nível vitorioso e no ano seguinte você vê o time desmontar. A primeira preocupação foi a manutenção desse elenco. Estender contratos e garantir a permanência de jogadores. Queremos vitórias como tivemos em 2019".

Sob a gestão de Landim, iniciada no início de 2019, o Flamengo conquistou o Carioca, o Brasileiro e a Libertadores - este último torneio não ia para a Gávea desde 1981. O mandatário rubro-negro ligou o alerta quanto ao calendário apertado, especialmente em fevereiro, quando o clube disputará duas decisões em uma semana. E deixou o recado: "o foco tem que ser conquistar tudo".

"Sem arrogância alguma, sem nada, se por um lado a gente conquistou muito, acho que nosso foco tem que ser conquistar tudo. Conquistamos algumas coisas, mas nosso objetivo é nos preparar para ganhar tudo. Temos uma série de novas competições para disputar: o Estadual, a Supercopa, a Recopa, torneios logo no início, uma sequência de jogos muito difícil. Vamos pegar como se a gente tivesse chegando no fim do ano, com decisões. E vem Copa do Brasil, Brasileiro, Libertadores e Mundial de Clubes".

Com a vaga nas semifinais da Taça Guanabara encaminhada, o Flamengo terá a Supercopa do Brasil, contra o Athletico-PR, com decisão em jogo único no dia 16 de fevereiro, no Estádio Mané Garrincha. Já as finais da Recopa Sul-Americana, contra o Independiente del Valle, terão a ida no dia 19, no Equador, e a volta, no Maracanã, uma semana depois, dia 26.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários