O técnico Jorge Jesus não tinha sintomas do novo coronavírus - Daniel Castelo Branco
O técnico Jorge Jesus não tinha sintomas do novo coronavírusDaniel Castelo Branco
Por O Dia
Rio - Em jogo sem torcida neste sábado no Maracanã, o Flamengo sofreu para vencer a Portuguesa. A equipe visitante abriu o placar no início da etapa final e o rubro-negro só chegou a virada nos minutos finais, com Arrascaeta. No entanto, o técnico Jorge Jesus demonstrou preocupação maior com o surto de coronavírus que assola o mundo e revelou a morte de um amigo em Portugal por conta da doença.
"Isso do coronavírus, o teste na equipe, as preocupações que a gente pode ter, a nossa família, isso está sendo um problema muito grande dentro da estrutura da família. Sou português sei o que está passando em Portugal, eu perdi um amigo", disse Jesus, que complementou:
Publicidade

"Eu defendo que a próxima rodada do Carioca não pode acontecer. Nós estamos no risco. Tivemos contato com uma pessoa (com Coronavírus). Os jogadores não são super-heróis. Eu nunca joguei sem torcedor. Espero que tenha sido o primeiro e o último. Isso mostra que os torcedores são muito importantes para o futebol", disse Jesus à FlaTV.