Presidente Rodolfo Landim e vice de futebol Marcos Braz - Alexandre Vidal/Flamengo
Presidente Rodolfo Landim e vice de futebol Marcos BrazAlexandre Vidal/Flamengo
Por O Dia
Rio - A crise provocada pelo coronavírus prejudicará financeiramente diversos clubes brasileiros. Para o comentarista da Band Wagner Velloso, nem mesmo o Flamengo, clube com maior poderio financeiro do Brasil, irá escapar das dificuldades.
"O Jorge Jesus vai ter que conviver com algo que eu não sei se ele já trabalhou durante a carreira dele, porque o Flamengo pode e deve atrasar os salários também dos jogadores. Um treinador que está acostumado a trabalhar na Europa, não sei se ele já passou por isso: ter que administrar um vestiário com jogadores insatisfeitos, com salário atrasado. Hoje isso é uma realidade no Brasil", comentou Velloso durante o programa "Os Donos da Bola".
Publicidade
"O Flamengo não viveu isso (atraso de salários) com ele no ano passado porque arrecadou 950 milhões, foi campeão da Libertadores, do Brasileiro. Ele vai ter que começar a administrar uma situação nova. O clube vai se complicar nessa temporada financeiramente. Não tem como fazer milagre. A receita tá diminuindo e os gastos estão aumentando. Então não tem milagre", completou.