Rodolfo Landim, presidente do Flamengo, e Marcos Braz, vice de futebol - Alexandre Vidal
Rodolfo Landim, presidente do Flamengo, e Marcos Braz, vice de futebolAlexandre Vidal
Por O Dia
Rio - Após a saída de Jorge Jesus para o Benfica, na última sexta-feira, o Flamengo segue estudando nomes para assumir a equipe. Segundo o comentarista Paulo Vinícius Coelho, o PVC, há uma preocupação no elenco sobre quem irá ocupar a vaga deixada pelo português. Os jogadores acreditam que o sucessor deve manter o estilo de jogo implantado pelo treinador.
Os atletas também entendem que não jogaram bem contra o Fluminense, na final da Taça Rio. Eles entendem que, se a partida já tivesse sido sob o comando do futuro substituto de Jesus, haveria uma comparação inevitável com o português.
Publicidade
"Sabemos que jogamos mal também com ele, mas a comparação será inevitável", disse um dos atletas.
O Flamengo ainda não definiu seu alvo para comandar o time. Os nomes mais especulados são o de Leonardo Jardim, ex-técnico do Monaco, e Miguel Ángel Ramirez, do Independiente Del Valle-EQU.