O técnico Jorge Jesus gravou seu nome na história rubro-negra - Alexandre Vidal / Flamengo
O técnico Jorge Jesus gravou seu nome na história rubro-negraAlexandre Vidal / Flamengo
Por O Dia
Rio - Jorge Jesus deixou saudade nos jogadores do Flamengo. Em entrevista ao "Globo Esporte", o lateral Filipe Luís, um dos líderes do elenco, falou sobre sua relação com o Mister e sobre a importância que ele tinha para a equipe.
Publicidade
"Amo esse velhinho. Um homem muito especial. É como todos os divórcios: discute, discute e no fim só se lembra das coisas boas, é como acabar com a primeira namorada da adolescência. Cheguei (ao Flamengo) com 34 anos e cada vez que ele mostrava um vídeo era um aula de futebol. Pensava que vinha para ensinar – com toda a humildade, claro – e afinal fui o aluno número um", disse o camisa 21.
"Nunca aprendi tanto sobre futebol. Ia para casa a pensar nas coisas que ele dizia e falava com os meus colegas sobre isso. Tem uma metodologia muito interessante. Não concordo com muitas coisas que ele faz, tivemos umas 20 ou 30 discussões e em mais de metade ele tinha razão. Dentro do campo ele era explosivo, tinha paixão pura, e fora do campo tinha o coração mais mole do mundo", concluiu.