Mauro Cezar Pereira - Reprodução
Mauro Cezar PereiraReprodução
Por O Dia
Rio - Após um começo irregular, o Flamengo começa a evoluir nas mãos de Domènec Torrent. No entanto, as comparações com Jorge Jesus continuam. O comentarista da ESPN Brasil, Mauro Cezar Pereira, opinou sobre essa polêmica evolvendo o atual cargo de treinador do clube carioca.
Publicidade
"O Jesus só confiava naqueles 11, ele não confiava nos outros jogadores. Não confiava que eu digo no sentido de colocar alguém e barrar outro. E hoje existem mais opções. O Jesus é um técnico, o Domènec Torrent é outro, acabou, cada um tem a sua forma de trabalhar. Então é muito chato isso, acho até que isso evidencia o nosso atraso no futebol não só dos treinadores brasileiros em sua grande parte, mas do futebol. A gente discute coisas totalmente estapafúrdias, discutir por que um jogador importante fica um jogo no banco é absolutamente ridículo", completa.
O Flamengo volta aos gramados na próxima quarta-feira. O Rubro-negro irá enfrentar o Fluminense, no Maracanã, em reencontro após a final do Carioca, que terminou com vitória e título da equipe que era comandada por Jorge Jesus.