Rodolfo Landim, presidente do Flamengo, e Marcos Braz, vice de futebol - Alexandre Vidal
Rodolfo Landim, presidente do Flamengo, e Marcos Braz, vice de futebolAlexandre Vidal
Por O Dia
Rio - A novela sobre a realização ou não da partida entre Flamengo e Palmeiras, neste domingo, às 16 horas, segue a todo vapor. Em meio à indefinição sobre o jogo, a delegação rubro-negra deixou o hotel e seguiu a caminho do Allianz Parque, mesmo sem ter a certeza de que entrará em campo.
Publicidade
Até o momento, a partida está suspensa por conta de uma decisão do Tribunal Regional do Trabalho (TRT). A CBF tenta derrubar a liminar, mas teve seu recurso negado pelo TRT e pelo STJ.
O pedido para o adiamento do jogo partiu do Sindeclubes, sindicato que representa funcionários de clubes do Rio de Janeiro, após a delegação do Flamengo, que esteve no Equador na última semana, sofrer um surto de Covid-19. São 33 infectados no total, sendo 19 jogadores.