Por rafael.arantes

Rio - Com o pensamento voltado para o clássico com o Flamengo, sábado, no Maracanã, o técnico Renato Gaúcho mantém a estratégia de poupar seus principais jogadores diante dos clubes pequenos no Carioca. Nesta terça, contra o Audax, às 19h30, em Volta Redonda, o treinador vai de time misto. Além de Fred e Valencia, que não jogaram contra o Bangu, Diguinho, Bruno e Carlinhos ganham folga.

O adversário, por sinal, não parece assustar muito o pessoal do Fluminense, que em caso de nova vitória pode assumir provisoriamente a liderança — para isso, terá que vencer por pelo menos quatro de diferença. O Audax, em cinco jogos, não marcou um gol sequer, um incômodo jejum de 450 minutos.

Renato Gaúcho conversou com os jogadores durante último treino do FluDivulgação

Com as mudanças indicadas no treino de ontem, nas Laranjeiras, a tendência é que Rafinha entre no meio-campo e as laterais sejam ocupadas por Wellington Silva e Chiquinho. Autor do gol da vitória sobre o Bangu, no sábado, o atacante Michael segue firme e forte no time, substituindo Fred. O garoto William também será mantido como titular, no lugar de Valencia.

Ao falar sobre o rodízio de titulares, Renato admitiu que o curto tempo de preparação prejudicou a evolução do condicionamento físico do grupo. “É muito injusto ter oito dias de pré-temporada. Estamos evoluindo, mas ainda não no ponto ideal. No segundo tempo do jogo com o Bangu, sabíamos que aconteceria uma queda. Todos ficam esgotados e o calor que faz atrapalha ainda mais”, disse o técnico.

POUPADOS SUAM A CAMISA
Mesmo não relacionados contra o Audax, Fred e outros cinco jogadores fizeram um treino físico após a tradicional pelada. Ainda sem balançar a rede em 2014, o camisa 9 realizou um trabalho com elásticos para aumentar resistência muscular. O atacante Walter, que luta para perder peso, Valencia, Diguinho, Carlinhos e Bruno também participaram da atividade.

Você pode gostar