Walter reconhece força do grupo, mas alerta: 'Querendo ou não, foi rebaixado'

Atacante pede o apoio da torcida para avançar na Copa do Brasil

Por bernardo.argento

Walter sabe como superar a desconfiançaCarlos Moraes / Agência O Dia

Rio - O Fluminense não vive uma boa fase desde o final da última temporada, quando foi rebaixado para Segunda Divisão, mas escapou graças a escalação irregular do meia Heverton, da Portuguesa, que rebaixou o time paulista. Neste ano, o clube caiu nas semifinais do Campeonato Carioca diante do Vasco e vive a pressão de vencer o segundo jogo contra o Horizonte por dois gols de diferença, já que perdeu a primeira partida por 3 a 1. Diante desse cenário, o atacante Walter reconhece a qualidade do elenco, mas faz um alerta.

"Nós, jogadores, estamos fazendo de tudo para estar bem. Nossa vida é essa, de cobranças. Sempre seremos muito cobrados. De quatro anos para cá, o Flu foi campeão brasileiro duas vezes. Temos jogadores campeões aqui. Vocês acham que o time do Fluminense é ruim? O Campeonato Brasileiro é muito difícil. Temos que tomar cuidado. Querendo ou não, o time foi rebaixado no ano passado. Demos sorte que aquele jogador (Héverton) da Portuguesa estava irregular. Tudo o que fizermos de errado, o torcedor vai cobrar", ressaltou Walter.

O atacante falou da importância de avançar na Copa do Brasil e pede que a torcida lote o Maracanã. Para ele, o suporte dos tricolores será fundamental para uma alcançar uma sequência de resultados positivos. O jogador ainda lembrou que os zagueiros acabam sendo culpados pela falhas do clube das Laranjeiras.

"Esse jogo de quinta-feira é o mais importante do ano até agora. Eu queria muito a presença da torcida. Não só eu, como todos nós. Nosso time precisa disso. Quando você entra no estádio e vê a torcida, já é outra coisa. Com a ajuda deles, com o Maracanã lotado, vamos conseguir o resultado", afirmou.

Fluminense e Horinzonte se enfrentam na próxima quarta-feira, no Maracanã, às 19h30. No primeiro duelo entre os dois, o Tricolor perdeu pro 3 a 1. Agora, para seguir na competição, precisa vencer por dois ou mais gols de difrença. Se ganhar pelo mesmo placar, o vencer será conhecido através da cobrança de pênaltis.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia