Abel Braga admite mágoa com presidente do Fluminense e revela real motivo da saída do Tricolor

Em entrevista do programa 'Bola da Vez', da ESPN, técnico explicou decisão de sair do comando do clube das Laranjeiras

Por O Dia

Abel Braga
Abel Braga -

Rio - Cinco meses após deixar o comando do Fluminense, Abel Braga segue com uma relação estremecida com o Tricolor. Apesar de ter a aprovação do torcedor, o treinador pediu demissão durante a pausa para a Copa do Mundo da Rússia, alegando se sentir desgastado. Porém, em entrevista ao programa 'Bola da Vez', da ESPN, neste domingo, o treinador explicou o real motivo da decisão e revelou ainda sentir mágoa do atual presidente do clube, Pedro Abad.

Galeria de Fotos

Abel Braga foi convidado do programa 'Bola da Vez' deste domingo, na ESPN Reprodução
Abel Braga deixou o comando do Fluminense Felipe Correia/Parceiro/Agência O Dia
Abel Braga falou após a derrota do Flu MAILSON SANTANA/FLUMINENSE FC.
Abel Braga: insatisfação com atrasos de salários no Fluminense MAILSON SANTANA/FLUMINENSE FC
2018-05-26 - AGÊNCIA DE NOTÍCIAS - PARCEIRO - O técnico Abel Braga do Fluminense, durante partida contra a equipe da Chapecoense, válida pela 7ª rodada do Campeonato Brasileiro, realizado no estádio do Maracanã, na Zona Norte do Rio de Janeiro, na tarde deste sábado(26). Delmiro Junior/Parceiro/Agência O Dia
AGÊNCIA DE NOTÍCIAS/PARCEIRO - Abel Braga, técnico do Fluminense durante partida contra o Atlético Paranaense em jogo válido pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro 2018 no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, neste domingo, 20. Foto: Delmiro Junior/Parceiro/Agência O Dia Delmiro Junior/Parceiro/Agência O Dia
Abel adverte que as duas próximas rodadas serão fundamentais para o Fluminense crescer no Brasileiro LUCAS MERÇON / FLUMINENSE F.C.
Abel ficou satisfeito com Fluminense apesar da derrota MAILSON SANTANA/FLUMINENSE FC
Abel quebra a cabeça para escalar o Fluminense LUCAS MERÇON / FLUMINENSE

"Quando saí, não tinha jogador. Agora que saí, contrataram seis. Eu adoro o Abad, é meu amigo, mas falei que ia sair. E aí contratou (Junior) Dutra, Luciano, Everaldo, Cabezas, Digão e Paulo Ricardo. Mas isso é passado", lamentou o treinador, que explicou o motivo da saída do clube.

"Eu tinha contrato até dezembro desse ano, mas senti que, por conhecimento do clube, e das pessoas que formavam a direção e outros que já tinham saído, que não queria passar esse ano aquela coisa que passamos no ano passado, que nos salvamos no penúltimo jogo", revelou Abel.

Em duas passagens pelo Fluminense, Abel Braga conquistou um Campeonato Brasileiro, em 2012, dois Estaduais, em 2005 e 2012, além de duas Taças Guanabara, em 2012 e 2017, e duas Taças Rio, em 2005 e 2018.