Elenco do Fluminense não treina por atraso salarial e dirigente admite insatisfação

Com problemas financeiros, Tricolor busca uma solução para quitar dívida com os jogadores

Por O Dia

Técnico Fernando Diniz conversa com o grupo
Técnico Fernando Diniz conversa com o grupo -

Rio - A crise financeira do Fluminense ganhou mais um triste capítulo. Sem ver a promessa da diretoria de quitar pelo menos parte dos salários atrasados (13º, mês de janeiro, férias e premiações), os jogadores decidiram não treinar na tarde desta terça-feira. O diretor de futebol do clube, Paulo Angioni, confirmou o problema, mas não explicou como resolver.

"Tivemos uma situação desagradável e não houve treinamento por insatisfação dos jogadores por algumas situações que não foram cumpridas. A gente compreende. Eles querem que a direção entenda que precisa solucionar a situação. Ainda não temos essa solução e estamos buscando", afirmou Angioni.

A decisão foi tomada pelo grupo em reunião antes do treino, no CT da Barra, e comunicaram ao técnico Fernando Diniz. Recentemente, os dirigentes do Fluminense conversaram com os jogadores e garantiram que em breve parte da dívida seria quitada, o que não aconteceu e aumentou a insatisfação. A diretoria tricolor contava com a segunda parcela da venda de Ibañez, mas ainda não recebeu o valor.

Não é a primeira vez que a diretoria não cumpre com o prometido. Ao longo de 2018, o Fluminense atrasou constantemente os salários e gerou grande insatisfação por não quitar a dívida nos prazos prometidos, a ponto de o grupo na época não querer mais ouvir promessas.

Inicialmente, o protesto dos jogadores é apenas para esta terça-feira, garante Angioni. Entretanto, a situação começa a ficar insustentável já em fevereiro. " A ação dos jogadores foi apenas hoje, não quer dizer que não vão treinar mais. A gente fica triste, mas compreende em função do que temos de pendência com eles".

Galeria de Fotos

Técnico Fernando Diniz conversa com o grupo MAILSON SANTANA/FLUMINENSE
Paulo Angioni MAILSON SANTANA/FLUMINENSE FC

Comentários