Clima tenso! Torcedores vão ao CT protestar pelo momento ruim do Fluminense

Diretor de futebol Paulo Angioni e os jogadores Digão, Nenê e Wellington Nem, conversaram com os tricolores que demonstraram insatisfação com a troca recente de treinador

Por Lance

Oswaldo de Oliveira assumiu o Fluminense após a demissão de Fernando Diniz
Oswaldo de Oliveira assumiu o Fluminense após a demissão de Fernando Diniz -
Rio - Um grupo de torcedores foi até o CT Pedro Antônio, na tarde desta terça-feira, para cobrar os jogadores pelos resultados ruins. O presidente Mário Bittencourt e o vice geral Celso Barros não estavam presentes e a a missão de conversar com os tricolores ficou a cargo do diretor de futebol Paulo Angioni e os atletas Digão, Nenê e Wellington Nem. A informação foi divulgada inicialmente pelo site do Globo Esporte e confirmada pelo "LANCE!".

O encontro aconteceu na portaria do CT, que fica na nova rua de acesso, inaugurada antes da Copa América. A conversa foi em um tom tranquilo e não houve tentativa de invasão, como ocorreu em novembro do ano passado. Conforme apuração, os torcedores questionaram a troca de comando e mostraram muita insatisfação com Celso Barros, o principal responsável pela saída de Fernando Diniz e a chegada de Oswaldo de Oliveira.

Nos últimos três jogos no Maracanã, o Tricolor foi eliminado da Copa Sul-Americana e perdeu as últimas duas rodadas do Campeonato Brasileiro, para os lanternas da competição. O elenco volta a treinar na manhã desta quarta-feira, novamente no CT Pedro Antônio. No sábado, encara o Fortaleza, no Castelão. Com 12 pontos, o Fluminense está na antepenúltima posição, dentro da zona de rebaixamento.

Comentários