Mário Bittencourt vai comunicar a decisão ao conselho na próxima reunião, prevista para o fim do mês - Mailson Santana/FFC
Mário Bittencourt vai comunicar a decisão ao conselho na próxima reunião, prevista para o fim do mêsMailson Santana/FFC
Por O Dia
Rio - O vice comercial do Fluminense, Ronaldo Barcellos, renunciou ao cargo. Em carta enviada ao presidente Mário Bittencourt, no início deste mês, o dirigente pediu para se desligar da função. Barcellos alegou que tem sido difícil conciliar sua vida profissional com o cargo no clube. As informações são da jornalista Gabriela Moreira.
Segundo o blog da jornalista, Barcellos é réu em um processo milionário movido pela Procuradoria Geral da Fazenda Nacional (PGFN). O dirigente é ex-sócio na empresa Maptec Comércio e Representação LTDA, que segundo a PGFN, tem dívidas que ultrapassam a casa dos R$ 300 milhões, decorrentes do não pagamento de impostos.
Publicidade
"Estava difícil conciliar a minha vida pessoal e profissional com o cargo (de vice comercial). É uma função que precisa de tempo e dedicação. O mundo está em crise e tive de trabalhar na reestruturação da minha empresa. Não tem nada a ver com este processo da Receita, sobre o qual não posso tecer nenhum comentário pois corre em segredo de justiça", disse Barcellos.
Bittencourt vai comunicar a decisão ao conselho na próxima reunião, prevista para o fim do mês. Ainda não há um nome para substituí-lo.