Após estreia sem gols, Gabriel Jesus lamenta: 'Não vou conseguir dormir'

Atacante exaltou chances criadas pela Seleção e projeta uma evolução da equipe de Micale para o próximo duelo nos Jogos

Por sarah.borborema

Brasília - A tão esperada estreia do Brasil na corrida pelo ouro, no futebol masculino, aconteceu na tarde desta quinta-feira. Porém, a primeira apresentação não saiu como o esperado e a equipe de Micale não saiu do 0 a 0, diante da África do Sul, no Mané Garrincha. Nem a vantagem de ter um jogador a mais, durante a maior parte do segundo tempo, foi o suficiente para que os brasileiros balançassem a rede em Brasília. O atacante Gabriel Jesus lamentou a perda de uma das melhores chances da partida e valorizou o trabalho do time.

GALERIA: Confira as imagens da estreia do Brasil nos Jogos Olímpicos

"Fico bastante chateado, não vou conseguir dormir hoje... Não costumo perder gols assim. A gente fez uma boa partida, criamos bastante e eu mesmo acabei pecando numa finalização que não costumo errar. Tivemos chances e não concluimos. Serviu de aprendizado pra gente aproveitar mais as oportunidades de fazer o gol. Agora é focar e correr atrás para ganhar o jogo de domingo", disse.

Com atuação ruim%2C o Brasil não saiu do 0 a 0 com a África do Sul em sua estreia na OlimpíadaLucas Figueiredo/MoWa Press/Divulgação

Gabigol avaliou que, apesar da ausência de gols, a atuação da Seleção diante da África do Sul não foi ruim.

"Frustrante não é. Nosso time criou bastante, tivemos chances claras de fazer o gol. Futebol é assim, às vezes a bola não entra. Nosso time criou e não levamos sustos na partida. Precisamos continuar assim e seguir nos preparando para vencer o jogo no domingo".

LEIA MAIS: Notícias, programação e quadro de medalhas da Olimpíada do Rio

O Brasil entra em campo novamente neste domingo, diante do Iraque, às 22h, no Mané Garrincha, precisando da vitória para não ver sua situação quanto a classificação para a próxima fase se complicar.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia