Mais Lidas

Ramon lamenta violência mas admite momento ruim: 'temos de ser criticados, sim'

Vasco terá pela frente o Botafogo, na próxima terça-feira, no Engenhão

Por O Dia

Ramon falou sobre o momento do Vasco
Ramon falou sobre o momento do Vasco -

Rio - O Vasco vive um momento complicado no Campeonato Brasileiro. Lutando contra o fantasma do rebaixamento, o time carioca empatou sua última partida contra o Paraná e voltou com protestos por parte da torcida no desembarque no Rio. Houve um princípio de confusão no aeroporto e o lateral Ramon lamentou o ocorrido mas admitiu o mau momento do clube. 

"Hoje, temos de ser criticados, sim. Não estamos numa fase boa, e a crítica faz parte do futebol. Não vou defender, dizer que estamos mal e eles têm de bater palma. Não, tem de ter crítica mesmo, mas a partir do momento que tem agressão eu não concordo. Porque uma coisa é criticar e, como falei, têm todo direito. Mas quando quer agredir, termina o “jogador-torcedor” e é de homem para homem. É outra história", disse o jogador que completou repudiando os atos de violência.

"A violência está errada em qualquer momento. Pode criticar, vaiar, gritar, o que quiser, mas quando vem o contato físico eu não concordo. Não só eu, como todo o grupo. Somos homens, trabalhadores, pais de família. Aquele olhar foi de surpresa. Tinham três (torcedores). Foi de surpresa. Eu não estava entendendo. Falei: “O que esse cara está fazendo?”. Pode cobrar, xingar, mas não precisa disso. Foi surpresa para mim. Fiquei até o fim olhando, vendo o que ia acontecer, porque sou o capitão e queria entender", concluiu.

Vasco encara o Botafogo, na próxima terça-feira, pelo Campeonato Brasileiro, no Engenhão. O Cruzmaltino precisa enfrentar o jogo como um jogo de 'seis' pontos, pois seu rival carioca também luta contra o rebaixamento.  

 

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia