Jogador sugere que oposição do Vasco teria oferecido dinheiro para o Ceará

Zagueiro admitiu que o clima político prejudicou o clube

Por O Dia

Retorno de Castán teria sido exigência do técnico Fábio Carille
Retorno de Castán teria sido exigência do técnico Fábio Carille -

Rio - A manutenção do Vasco na Série A do Brasileiro foi conquistada com muita luta em um ano extremamente complicado para o clube. A crise política chegou aos gramados segundo os jogadores. O zagueiro Leandro Castan sugeriu que a oposição do clube teria se metido dentro de campo.

“A gente ouve comentários de que até a oposição chegou a oferecer dinheiro para o Ceará. São coisinhas que vão atrapalhando. A torcida não merece passar por isso”, afirmou.

O defensor, que chegou ao Vasco, neste ano afirmou que o clima política afetou bastante o desempenho da equipe carioca dentro de campo.

“Se eu falar que não influencia, vou estar sendo mentiroso. A gente tenta deixar de lado, mas a gente sabe que o Vasco tem essa briga política. Teve momento que a oposição tentou chegar ao poder, não vou me meter, mas acabou atrapalhando", disse.