Técnico do Vasco quer vencer a desconfiança do torcedor nesse início de ano

Com oito reforços, o time preencheu as posições mais carentes

Por O Dia

Alberto Valentim
Alberto Valentim -

Atibaia (SP) - A desconfiança do torcedor é o primeiro 'adversário' que Alberto Valentim pretende vencer no ano. Com oito reforços, o Vasco, respeitando a sua realidade financeira, preencheu as posições mais carentes e iniciará a temporada com a esperança de não reviver o drama na luta contra o rebaixamento no Brasileiro de 2018.

"Ficou muita coisa ficou de positivo. De entenderem minha forma de trabalhar, os treinos. É muito melhor começar o ano sabendo algumas regras dos treinos. Isso acelera. Agora, melhorar, vamos procurar melhorar em tudo. Para fazermos um ano muito diferente do que fizemos em 2018", disse Alberto Valentim.

Com o recuo na negociação com o volante Johnny Lucas, do Paraná, e o atacante Rossi, do Shenzhen, da China, o Vasco segue atento ao mercado, mas deve disputar o Carioca com o atual grupo. Entre os reforços, destaque para o apoiador Bruno César, contratado ao Sporting, de Portugal. A estreia será sábado, dia 19, contra o Madureira.

PAGAMENTO

O Vasco quitou nesta sexta-feira o salário de novembro do ano passado para jogadores e funcionários, mas ainda deve o 13º e as férias. A diretoria aguarda a liberação dos R$ 18 milhões referentes ao empréstimo realizado em outubro, no total de R$ 38 milhões.