Vasco adota 'lei do silêncio' após derrota para o Flamengo na final

Apenas o diretor executivo de futebol Alexandre Faria concedeu entrevista

Por ESTADÃO CONTEÚDO

Demitido, Alexandre Faria pode ser substituído por Antonio Lopes
Demitido, Alexandre Faria pode ser substituído por Antonio Lopes -

Rio - O Vasco acabou adotando a "lei do silêncio" após a derrota para o Flamengo, por 2 a 0, neste domingo, no Maracanã, no segundo jogo da final do Campeonato Carioca. Enquanto o rival comemorava o título no gramado, jogadores vascaínos e o técnico Alberto Valentim, que foi demitido, deixaram o local sem falar com a imprensa.

Os primeiros a deixar o Maracanã pelo estacionamento foram Yago Pikachu, Danilo Barcelos e Lucas Mineiro. Logo em seguida, foi Valentim quem deixou o estádio sem conceder entrevista coletiva. Posteriormente, o diretor executivo de futebol Alexandre Faria confirmou a demissão do treinador.

Na zona mista do estádio reservada para as conversas com os jornalistas, o departamento de comunicação do Vasco confirmou que nenhum jogador pararia para falar com a imprensa e que apenas executivo falaria. 

"Dentro das nossas capacidades financeiras, a equipe vem muito bem. Ainda está vivo na quarta fase da Copa do Brasil. Estamos mobilizados para esse jogo de quarta (contra o Santos, em São Januário). Amanhã (segunda-feira) no CT vão trabalhar para colocar a melhor equipe em campo. O duelo está em aberto", comentou Faria.

O Vasco agora tenta reverter a desvantagem na quarta fase da Copa do Brasil depois de o Santos ter vencido o duelo de ida do mata-mata por 2 a 0, na Vila Belmiro. Assim, a equipe carioca precisa de um triunfo por três gols de diferença para avançar às oitavas de final. Em caso de vitória por dois, a decisão da vaga ocorrerá nas cobranças de pênaltis.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários