Receita do Vasco com novos sócios chega a quase 2 milhões por mês e clube prioriza salários

Campanha #AssociaVasco bombou na Internet e Cruzmaltino chegou a 120 mil associados, no último sábado

Por O Dia

Alexandre Campello
Alexandre Campello -
Rio - No último sábado, o Vasco ultrapassou a marca de 120 mil sócios e aparece entre os três clubes com mais sócios no Brasil. Com isso, o clube já tem uma ideia do que fazer com as próximas receitas. O objetivo é usar o dinheiro para estabilizar o pagamento de salários de jogadores e funcionários.

"Pagamento de salários. A gente ainda precisa entender qual vai ser o valor, o ticket médio. Precisamos entender, ver o perfil desses novos sócios. Temos que ir com calma, ver a fidelização desses sócios, quantos permanecerão de fato", disse o presidente Alexandre Campello ao Globoesporte.com.
Em relação a possíveis reforços para próxima temporada, o Vasco adota cautela. Como um dos componentes deste aumento exponencial de sócios é a promoção, que colocou todos os planos por metade do preço por seis meses, o clube espera saber qual será a retenção quando o valor voltar ao normal. 

O próximo compromisso do Vasco acontece nesta segunda-feira, quando recebe o Cruzeiro, em São Januário, em partida válida pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro. A bola rola a partir das 20h (de Brasília).
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários