Com torcida de Bota e Flu, Vasco vence o Cruzeiro, cada vez mais perto da Série B

Em São Januário, Guarín garante a vitória que alivia a tensão dos rivais

Por MARCELO BERTOLDO

Guarín vibra após balançar a rede do Cruzeiro. O Vasco voltou a vencer, na Colina, após três tropeços seguidos
Guarín vibra após balançar a rede do Cruzeiro. O Vasco voltou a vencer, na Colina, após três tropeços seguidos -
Rio - Após o boom na adesão ao programa de sócio-torcedor, que já ultrapassou a marca de 130 mil, o Vasco ganhou o reforço de outros milhões de torcedores ao longo dos 90 minutos do confronto com o Cruzeiro. Na luta contra o rebaixamento no Brasileiro, botafoguenses e tricolores celebraram como 'vascaínos' a vitória por 1 a 0 sobre o Cruzeiro. Guarín fez o gol que deixou o Gigante a um passo da Sul-Americana e Cruzeiro mais perto da degola.
Com casa cheia, o Cruzmaltino assumiu o compromisso de corresponder às expectativas na arquibancada. O primeiro gol poderia ter saído logo no início. Rossi foi derrubado por Egídio dentro da área, mas o árbitro Wilton Pereira ignorou a penalidade.
Do desespero, Rossi foi ao clímax com o gol de Guarín, aos nove minutos. O camisa 7 chegou a tirar a máscara do Almirante, mascote do clube, para comemorar o indefensável chute do colombiano, após boa jogada de Andrey.
Aos 25, outro pênalti não marcado gerou polêmica. Dessa vez, Wilton Pereira assinalou a infração na disputa entre Cacá e Marrony, mas voltou atrás após consultar o VAR. O capitão Leandro Castan não escondeu a sua indignação ao deixar o gramado no fim do primeiro tempo.
Com um histórico favorável em São Januário — sete vitórias nos últimos dez jogos contra o Vasco —, o Cruzeiro não se esforçou muito para vencer. A falta de organização e inspiração foram maiores do que o equilíbrio exigido para tentar seguir na Série A.
Fred entrou bem, e deu trabalho. Ao apostar no contra-ataque, o Vasco deu espaço para a Raposa ganhar território e não soube aproveitar as chances que criou nas boas investidas de Marrony. Sufoco à parte, o Vasco segurou a vitória até o fim.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários