Ataque do Vasco segue com 'falta de apetite'

Dorival Júnior diz que o ataque vascaíno precisa melhorar

Por pedro.logato

Rio - Enquanto a defesa vascaína começa a evoluir e subir de produção dentro do Brasileirão, o ataque, porém, atravessa uma incômoda seca. Embora tenha evitado criticar o setor, que não marca há duas partidas, Dorival Júnior salientou que é necessário ter mais ímpeto ofensivo e fome de gols, neste domingo, contra o São Paulo. A cobrança do treinador é de que André e Willie possam transformar em bolas na rede as oportunidades criadas por Juninho, Marlone & cia.

Ataque do Vasco vem diminuindo a sua forçaDivulgação

“Faltaram alguns detalhes. Aquele querer um pouco mais, o gosto pela definição do resultado. Tivemos posse de bola, bom posicionamento e colocamos a Portuguesa em seu campo de defesa. Trabalhamos a bola, mas não fomos efetivos. Isso precisa mudar. Está na hora de buscarmos o gol com mais apetite, querendo definir as jogadas”, comentou Dorival.

Contra o São Paulo, o treinador confirmou o retorno de Juninho como titular, além de ter mantido Wendel na equipe. Fagner volta à lateral direita após suspensão. Após o treino de ontem, no CFZ, na Barra da Tijuca, Dorival praticamente confirmou a equipe com Diogo Silva, Fagner, Jomar, Cris e Yotún; Abuda, Wendel, Juninho e Marlone; Willie e André.

A preocupação do comandante, no entanto, fica por conta do doping positivo que é a chegada de Muricy Ramalho ao Tricolor paulista. Já na reestreia do treinador, o São Paulo venceu a Ponte Preta, por 1 a 0, e promete vir motivado a São Januário.

“Enfrentar o São Paulo sempre será difícil. O Muricy praticamente nasceu lá dentro. Não quer dizer que o trabalho não vinha evoluindo com o Paulo Autuori. Teremos um grande jogo. As dificuldades serão consideráveis, mas o São Paulo também terá as suas jogando contra o Vasco em São Januário”, analisou Dorival Júnior.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia