Mais Lidas

Marlone se despede do Vasco: 'Preciso sair de casa para evoluir e mostrar valor'

Meia publica mensagem de adeus e agradece pela chance

Por fabio.klotz

Rio - Marlone se despediu do Vasco. Nesta terça-feira, o meia-atacante publicou um texto em que agradece ao clube. Ele lembrou toda a trajetória que teve no Gigante da Colina, desde a época da base, e ressalta a importância do clube em sua vida. Marlone também alfinetou o Cruzmaltino. Em uma passagem da mensagem, diz que se sentiu o "filho desacreditado".

Marlone teve boas atuações em 2013Divulgação

O meia-atacante foi vendido ao Cruzeiro. O Vasco vai receber R$ 3,2 milhões, 60% do valor pago por um grupo de investidores, e ainda terá Pedro Ken e Everton em definitivo.

Confira a mensagem de adeus de Marlone

Há quase 10 anos eu cheguei ao Vasco. Ainda garoto, com 12 anos, morava na concentração do clube, bem em cima do vestiário do elenco profissional em São Januário. Por lá vivi seis anos, de 2006 a 2011. Tive alegrias, desilusões, chorei sozinho com o coração apertado, passei no clube minhas férias, períodos de festas, e aprendi a ser homem, no amor e na dor. Eu e o Vasco. No fundo, sempre fomos só eu e o Vasco. No Vasco eu fiz grandes e verdadeiros amigos. Convivi com pessoas que me ensinaram, e outras que me fizeram sofrer. Mas, acima de tudo, aprendi a viver. O Vasco foi a minha família, pois no clube eu passei todos os momentos da formação do meu caráter. Mas como acontece em diversas famílias, infelizmente eu fui o filho desacreditado, aquele em que as pessoas não depositam suas esperanças de um futuro melhor. Eu me sinto como aquele filho que precisa sair de casa, deixar a segurança do lar, enfrentar um novo mundo lá fora para crescer, evoluir e mostrar o meu valor. E eu sempre acreditei que com caráter, determinação e confiança se alcança os objetivos. E agradeço, do fundo do meu coração, às pessoas que acreditaram em mim. Vou carregar eternamente o Vasco e a sua imensa torcida bem feliz no meu coração, pois é o clube que aprendi a amar e graças à esta instituição centenária eu cheguei até aqui. Como torcedor do Gigante da Colina sinto-me muito triste pelo momento no qual o clube se encontra. Mas confio que dias melhores virão para esta torcida apaixonada da qual faço parte. Obrigado por tudo, Vasco da Gama!

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia