No desembarque do Vasco, Gilberto mostra insatisfação com seca de gols

Centroavante não marca desde a final do Campeonato Carioca

Por victor.abreu

Rio - A derrota por 4 a 0 para o São Paulo poderia ter tido um desfecho diferente, se Duvier Riascos não tivesse falhado em três chances claras de gols para o Vasco. Mas o jogador que está insatisfeito e falou sobre o seu próprio rendimento nos gramados é Gilberto, e não o colombiano. O centroavante não balança as redes adversárias desde a final do Campeonato Carioca, quando vazou a defesa do Botafogo. De lá para cá, foram 12 jogos: 11 no Brasileirão e um pela Copa do Brasil sem marcar. Nesta quinta-feira, no desembarque da delegação cruzmaltina no aeroporto Santos Dumont, o camisa 9 desabafou sobre a seca de gols.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Vasco

No desembarque do Vasco%2C Gilberto se mostrou insatisfeito com seu futebolCarlos Moraes

"Não é que bate ansiedade, estou chateado, incomodado por não estar fazendo gols. Sei que pode acontecer com qualquer atacante, mas tenho trabalhado muito e o que está acontecendo comigo não tem explicação. Tenho vivido com a sensação que logo esta fase vai passar", disse o jogador.

Ao contrário do esperado, os torcedores não apareceram na chegada do elenco e apenas Andrezinho e Gilberto pararam para atender aos profissionais da imprensa. Apesar de triste com o seu rendimento nas últimas partidas, o atacante mostrou confiança para dar a volta por cima.

"Nosso time é forte em todos os momentos. Não foi o resultado que a gente esperava, mas vamos sentar, conversar e entender o que está acontecendo. Precisamos nos organizar e buscar recuperação o quanto antes", comentou Gilberto.

Antes mesmo de retornar ao rumo dos gols, Gilberto pode ver sua vaga de titular cair no colo de Thalles. O técnico Celso Roth já deu sinais que não está satisfeito com as atuações do atacante e, no jogo contra o São Paulo, o tirou de campo ainda no intervalo da partida. Na saída do gramado do estádio Mané Garrincha, o atacante havia falado sobre o assunto.

"Eu perdi uma chance. Tenho que melhorar. Não posso mais continuar nessa situação de não fazer gol. Tenho de ajudar o Vasco. As coisas não estão acontecendo. É na garra, chegar firme e não deixar ninguém jogar", desabafou.

A próxima chance de Gilberto, caso ainda permaneça no time titular do Vasco, será contra o Grêmio, sábado, em Porto Alegre, às 18h30.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia