Madeira ganha novas possibilidades de decoração

O material pode ser utilizado em painéis nos quartos, salas e cozinhas do lar

Por Marina Cardoso

Painel de madeira camufla entrada do lavabo e ainda guarda um espaço para armário de louças de cozinha
Painel de madeira camufla entrada do lavabo e ainda guarda um espaço para armário de louças de cozinha -

Rio - Não faltam motivos para decorar a casa com madeira. Tradicionalmente utilizado em pisos e móveis, o material também pode ser investido em outros espaços da casa, como nas paredes, servindo como painel em quartos, salas e até cozinhas. Para isso, especialistas ensinam como apostar na tendência dentro do lar.

Por ser um material fácil de trabalhar, é possível criar soluções diferenciadas para esconder paredes, embutir eletrodomésticos e dividir ambientes.

O primeiro passo é definir onde o material será aplicado. Para cada local, é indicado um tipo específico de madeira. "Em ambientes secos, como quartos e salas, utilizamos a lâmina natural de madeira, que proporciona emendas imperceptíveis e a sensação de uniformidade por não destacar as quebras", explica a arquiteta Daniele Okuhara.

Para ambientes molhados, como a cozinha, o recomendado é optar pela versão sintética, principalmente no encontro com o frontão da pia. Nesses casos, o melamínico ou o MDF permite facilidade na limpeza com a utilização de pano úmido. "Além disso, como a impressão do MDF já vem de fábrica, fica mais difícil manter a continuidade entre as madeiras, deixando a emenda aparente", afirma Daniele.

Uma boa dica para quem não gosta que as emendas fiquem aparecendo na decoração é adotar cuidado na hora da instalação dos painéis. Se for aplicado de forma incorreta, elas podem ficar visíveis. Uma boa alternativa é optar pelo sistema mão de amigo. "Para não deixar nenhum parafuso aparente, os profissionais trabalham com essa técnica de encaixe", destaca a Beatriz Ottaiano.

Peça curinga para os cômodos e todo tipo de decoração

Por sua versatilidade, é possível utilizar a madeira em diferentes estilos decorativos, que vão desde o clássico até o ambiente mais moderno. A composição do restante do projeto é o que vai ditar como se deve utilizar a mistura entre madeira e concreto. "Por trazer a sensação de aconchego, o elemento quebra o tom frio e cinza do concreto, por exemplo", explica a arquiteta Daniele Okuhara. O material pode estar presente na decoração do lar, como em uma cabeceira ou ser usado para ajudar a otimizar espaço e trazer funcionalidade, servindo de divisória entre cozinha e sala de jantar. Nesse caso, as arquitetas já investiram em painel de madeira que camufla a porta do lavabo e ainda reserva um espaço para armário de louças e outros itens da casa.

Últimas de Imóveis e Casa