Dicas para montar uma cantinho de cinema em casa  - Divulgação
Dicas para montar uma cantinho de cinema em casa Divulgação
Por Marina Cardoso

Rio - Quem não gosta de ir ao cinema? E se o espaço for criado no conforto da poltrona do seu lar? Sim, é possível montar um ambiente com uma atmosfera parecida com o do cinema para assistir filmes na sala de casa. Para isso, não é preciso muito para deixar o cômodo bem confortável para receber familiares e amigos. 

O primeiro passo para entrar no clima de cinema em casa é contar com equipamentos de qualidade. Para isso, é interessante investir em aparelhos de TV e sistema de som adequado. “Uma boa SmarTV ou, se houver espaço e orçamento, um telão e projetor melhor ainda”, explica a arquiteta Michelle Mariotto.

Também é importante pensar em um ambiente com boa acústica para assistir ao filme com tranquilidade. Para isso, é recomendável optar por acabamentos como painéis de madeira, pisos isolantes e carpete.

“Também indico sofás em tecidos mais encorpados, tapetes felpudos, cortinas ou paredes revestidas em tecido”, indica a especialista.

Para ter um espaço confortável, os moradores não podem abrir mão de um bom sofá. É interessante escolher reclináveis e com apoio para as pernas. Assim, fica mais aconchegante para assistir o filme. Ou, se não puder investir nesse tipo, uma mesa de centro com almofadas pode resolver o problema. Se o espaço for reduzido, tapetes, futons e almofadas podem atender a todos de forma confortável e descontraída. 

Penumbra 

Para bloquear a entrada de luz natural, é indispensável fazer uso de uma solução com blecaute total. Xales ou cortineiros laterais podem ser recursos para evitar o ‘vazamento’ da luz por possíveis frestas.

Para o ambiente, deve ser pensado um bom projeto de iluminação. Isso faz toda a diferença para o momento da sessão de cinema. Uma penumbra é ideal para criar um clima convidativo pré sessão pipoca. “É importante ficar confortável para ver a TV e não ter reflexo, pensando sempre em luz indireta, arandela ou abajur”, explica a arquiteta Lisea Kasper.

É interessante, ainda, investir em iluminação dimerizável (lâmpadas em que é possível regular a intensidade do brilho). Sancas com luz indireta também aparece como uma boa pedida.

Você pode gostar
Comentários