Dicas de como decorar a casa com crianças

Profissionais revelam que não é preciso deixar o estilo de lado para se ter um ambiente bonito e, sobretudo, seguro

Por Marina Cardoso

Cantinhos podem ser criados para eles, mas há ainda opção de baús na sala para guardar os brinquedos
Cantinhos podem ser criados para eles, mas há ainda opção de baús na sala para guardar os brinquedos -
Rio - Com a chegada dos filhos em casa, não há como negar que o cuidado com os pequenos passa a ser prioridade no dia a dia dos moradores. Por isso, os pais tiram um móvel dali e colocam em outro lugar. Quando vê, a casa parece que está uma bagunça. Mas, engana-se quem pensa que ter crianças em casa não significa que o ambiente pode ficar agradável e organizado. Para ajudar na missão de criar um ambiente estiloso, arquitetas indicam quais são as adaptações necessárias.
A primeira dica é para as mamães e os papais que gostam de decorar a casa com objetos mais delicados. Segundo a arquiteta Lucianne Korn, pequenas soluções já deixam o ambiente seguro e bonito. “O segredo é colocá-los em estantes mais altas para que as crianças não tenham acesso e deixar as peças mais resistentes nas áreas mais baixas”, indica.
Outra dica para criar um ambiente mais seguro, mas que não deixa de ficar bonito é apostar na escolha certa dos móveis. A arquiteta Cristiane Schiavoni alerta que, além de uma circulação mais livre, é preciso ficar atento com as quinas, e neste caso sempre preferir formas arredondadas e evitar degraus.
“É preciso também estar atento às peças que podem tombar ou virar quando servirem de apoio para as crianças, especialmente no período em que elas estão aprendendo a andar”, conta Cristiane.
Materiais resistentes
Outro ponto importante é pensar no material do piso. “No quartinho e na área em que os pequenos ficam com mais frequência, convém optar por um piso mais macio ou até mesmo um tapete, que amortece as quedas”, indica a arquiteta Cristiane.
Para evitar o dia a dia mais prático, as especialistas aconselham os papais a optar por materiais resistentes, principalmente os tecidos dos estofados. Priorizar sempre as opções mais duráveis e fáceis de limpar.
Lucianne sugere proteger os estofados com capas de sarja. “É um material resistente, que ajuda na proteção e ainda cria um ambiente charmoso e elegante”, explica.
Para quem quer investir em tapetes, existem opções no mercado que são mais fáceis de limpar, como as versões emborrachadas e as feitas de náilon.
 
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários