Os novos reforços foram apresentados neste sábado (29) na sede do clube  - Eduardo Araujo/Serra Macaense
Os novos reforços foram apresentados neste sábado (29) na sede do clube Eduardo Araujo/Serra Macaense
Por O Dia
Macaé - O Serra Macaense recebeu neste sábado (29) dois reforços oriundos do futebol equatoriano. Os atletas Ariel Perea e Cuero chegaram ao Brasil, passaram por todos os protocolos de saúde e, a partir de agora, somam-se ao elenco profissional do Verdão para os treinamentos visando o Campeonato Carioca – Série B1. No entanto, os jogadores apenas poderão ser registrados a partir de 13 de outubro, quando abre a janela de transferências para o futebol brasileiro. Ambos chegam oriundos do Santiago de Pillaro.

“É com extrema alegria que recebo os atletas aqui no Serra Macaense, fruto de uma parceria do nosso clube com o futebol equatoriano. Estivemos no país meses atrás, eu e meu pai, que é nosso vice-presidente (Milton dos Santos) e alinhamos um intercâmbio com algumas agremiações. Fomos muito bem recebidos pelo pessoal do Santiago de Pillaro, Macará, Mushuc Runa e Técnico Universitário. Agradeço ao professor Cipriano que fez todo contato inicial também. Hoje é um passo importante para nossa trajetória. Então sejam bem-vindos Cuero e Perea. Que vocês possam trazer muita vontade e a gana para que em campo tenhamos bons frutos. Será excelente para todos”, declarou o presidente Rodrigo dos Santos.

Ariel Perea é volante, tem 23 anos e suas principais características estão o chute de média e longa distância, além de boa impulsão e marcação.

“Tenho as mais altas expectativas de jogar aqui no Serra Macaense. O Brasil é um país com ligas muito fortes, então quero aprender muito, ajudar da melhor forma possível e crescer na carreira. Tratarei sempre de me dedicar com bastante ânimo, boas atitudes, ter muita entrega em campo para colaborar com o time”, afirmou.

Cuero é atacante, tem 21 anos, driblador e bastante veloz: “Estou muito contente em estar aqui no Brasil, um país muito grande, muito bonito. Sou um jogador destro, rápido e estou com muita vontade de dar tudo de mim para ajudar o Serra no que for possível. É um clube que revela novos talentos e sonho fazer parte disso, dar minha vida para crescer aqui. Agora é trabalhar bastante e fazer o que sei fazer que é jogar futebol”, declarou.