Tia Sandra, de Magé, foi encontrada morta dentro de rio - Divulgação
Tia Sandra, de Magé, foi encontrada morta dentro de rioDivulgação
Por O Dia
Magé - A Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF) investiga o caso de uma pré-candidata a vereadora encontrada morta em Magé, na Baixada Fluminense. Na terça-feira, 1, o corpo de Sandra da Silva Ferreira, mais conhecida como Tia Sandra, foi encontrado dentro do Rio Roncador, no bairro Barbuda. Uma das linhas de investigações é se o homicídio foi por motivação política.

O Partido Socialista Brasileiro (PSB), ao qual Sandra era afiliada, publicou uma nota lamentando o ocorrido. A legenda afirmou que a vítima estava firme no propósito de contribuir para tornar Magé um lugar melhor. 
"Conheci a Sandra há uns quatro meses. Nós prestamos nossa solidariedade para todos os familiares. Agora cabe a polícia solucionar o caso", declarou Kênia Didiu, presidente do PSB Mulher de Magé. 
Publicidade
Portal dos Procurados pede informações sobre morte da pré-candidata a vereadora em Magé - Divulgação / Portal dos Procurados
Quem matou?
Publicidade
O Portal dos Procurados divulgou nesta sexta-feira um cartaz para ajudar a Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF) para obter informações que possam esclarecer a morte de Sandra Silva, pré-candidata a vereadora em Magé, na Baixada Fluminense.

Quem tiver qualquer informação a respeito da morte da pré-candidata, denunciar pelos seguintes canais:
- Whatsapp Portal dos Procurados (21) 98849-6099;
- Pelo Facebook/(inbox), Instagram ou Twitter
- Pela mesa de atendimento do Disque-Denúncia (21) 2253-1177 ou 0300-253-1177 ,
- Pelo aplicativo para celular – Disque Denúncia
O anonimato é garantido e todas as informações pertinentes sobre o caso serão encaminhadas para DHBF.