EUA anunciam sanções contra o setor do ouro na Venezuela

De acordo com as sanções já existentes, nem a Venezuela nem a petroleira estatal PDVSA podem liquidar a dívida nos Estados Unidos, o que na prática fecha o mercado para o país

Por AFP

EUA anunciam sanções contra o setor do ouro na Venezuela
EUA anunciam sanções contra o setor do ouro na Venezuela -

EUA - A Casa Branca anunciou, nesta quinta-feira, novas sanções contra a Venezuela – país acusado de formar, com Cuba e Nicarágua, uma "troika da tirania". De acordo com as sanções já existentes, nem a Venezuela nem a petroleira estatal PDVSA podem liquidar a dívida nos Estados Unidos, o que na prática fecha o mercado para o país.

"Sob a liderança do presidente Trump, os Estados Unidos tomarão ações diretas contra esses três regimes para defender o estado de direito, a liberdade e a mínima decência humana em nossa região", declarou John Bolton, Conselheiro de Segurança Nacional.

Entre as medidas tomadas, o departamento de Estado acrescentou uma série de empresas ligadas a militares ou a serviços de inteligência cubanos na ilha à lista de empresas com restrições nos Estados Unidos.

Segundo Bolton, o Departamento de Estado acrescentou várias entidades, pertencentes ou controladas pelos militares cubanos ou pelos serviços de inteligência, à lista de entidades cujas transações financeiras são proibidas para pessoas nos Estados Unidos. Ele informou também que a medida inclui ações concretas para impedir que os dólares americanos cheguem aos militares cubanos e ao setor de segurança e inteligência.

Bolton disse ainda que os Estados Unidos esperam "para ver como cada vértice do triângulo vai cair: Em Havana, Caracas e Manágua"; e ressaltou que, quando esse dia chegar, as pessoas da região "poderão ter certeza de que a América estará com elas contra as forças da opressão, totalitarismo e dominação".

Últimas de Mundo & Ciência