Por AFP

Alemanha - Centenas de voos foram cancelados na Alemanha, nesta terça-feira, pela terceira vez em menos de dez dias, devido à greve do pessoal de segurança em oito aeroportos do país.

A paralisação está prevista para acontecer entre as 2h locais (23h em Brasília) e as 20h locais (17h em Brasília).

O ato foi convocado pelo sindicato Verdi e afeta o aeroporto de Frankfurt, o mais importante do país, assim como o de Hannover, Bremen, Hamburgo, Leipzig, Dresden, Erfurt e Munique. Esse conflito já levou a centenas de cancelamentos de voos na semana passada.

Pelo menos 220 mil passageiros devem ser prejudicados pelos cancelamentos e atrasos desta terça, advertiu a Federação Alemã de Aeroportos (ADV), que considera a greve "irresponsável" e "desproporcional".

A Lufthansa, companhia mais afetada, acusa o sindicato Verdi de não ter "qualquer interesse em contribuir para melhorar a competitividade da Alemanha no transporte aéreo".

O sindicato, que representa 23 mil agentes de segurança dos aeroportos do país, pede que o salário seja de 20 euros a hora em toda Alemanha frente às diferenças atuais entre as regiões, que variam de 14 a 17 euros.

Você pode gostar