Mais Lidas

Cesare Battisti reconhece responsabilidade por quatro homicídios

É a primeira vez que o ex-ativista de extrema-esquerda admite ser responsável pelos crimes que renderam sua condenação à revelia

Por AFP

Battisti chega a Roma sem algemas, mas com forte esquema de segurança
Battisti chega a Roma sem algemas, mas com forte esquema de segurança -

Roma - O ex-ativista de extrema-esquerda Cesare Battisti, que permaneceu foragido durante 40 anos, reconheceu a um juiz italiano que é responsável por quatro assassinatos cometidos nos anos 1970 nesta segunda-feira. As informações são da imprensa italiana. 

Esta é a primeira vez que Battisti admite ser responsável pelos crimes que renderam sua condenação à revelia.

Ele foi extraditado em janeiro para a Itália, onde cumpre pena de prisão perpétua.

Battisti foi capturado em janeiro enquanto caminhava pela rua em Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia. A prisão foi resultado de uma parceria de agentes bolivianos e italianos com apoio de brasileiros. O italiano foi condenado à prisão perpétua pelo assassinato de quatro pessoas durante os anos de 1970. Ele se dizia inocente.

Segundo um vídeo feito no momento da prisão, o italiano usava barba, óculos de sol, jeans e camiseta azul. Ele não mostrou resistência, não apresentou documentos e respondeu a algumas perguntas em português.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários