Locutora é agredida ao vivo e ouvintes chamam a polícia

Mulher prestou queixas e pediu uma ordem de restrição contra o chefe

Por iG

A locutora Claudia Vázquez
A locutora Claudia Vázquez -

Argentina - Parte da audiência de uma rádio da província de San Juan, na Argentina, acionou a polícia após escutar ao vivo a locutora do programa “Las Mañanitas”, Cláudia Vásquez, ser agredida pelo chefe dela, diretor da programação local. 

No áudio, divulgado nas redes sociais, é possível ouvir os dois discutindo e o homem começando a gritar alto e arremessar objetos. Entre os xingamentos, o homem chama Cláudia de lixo e de infeliz.

Em determinado momento a mulher chora. “Ele bateu a porta com o punho, jogou meu equipamento no chão, me agarrou pelos braços e me arranhou”, afirmou a locutora em entrevista ao jornal argentino Clarín.

Quando a mulher deixou o local, policiais que foram acionados pelos ouvintes já estavam do lado de fora a esperando. Ela prestou queixas e pediu uma ordem de restrição contra o chefe, alegando que os assédios ali são constantes. A polícia, porém, não detalhou se o homem já foi preso. 

Escute, abaixo, o áudio da transmissão ao vivo. As palavras são violentas.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários