EUA enviam soldados para reforço no Oriente Médio diante de tensão com Irã

O tenente-coronel Mike Burns, porta-voz da 82ª Divisão Aerotransportada, afirmou que 3.500 homens da Força de Resposta Imediata serão enviados dentro de alguns dias

Por ESTADÃO CONTEÚDO

Donald Trump é acusado de ter pedido investigação contra rival
Donald Trump é acusado de ter pedido investigação contra rival -
Centenas de soldados norte-americanos em Fort Bragg, no estado da Carolina do Norte, foram enviados neste sábado ao Kuwait para servir de reforço no Oriente Médio em meio ao recrudescimento das tensões entre os Estados Unidos e o Irã.

O tenente-coronel Mike Burns, porta-voz da 82ª Divisão Aerotransportada, afirmou que 3.500 homens da Força de Resposta Imediata serão enviados dentro de alguns dias. O grupo mais recente vai se juntar a outros 700 homens que saíram no início da semana.

As tropas adicionais refletem preocupações sobre possíveis ações de retaliação iraniana depois do ataque ordenado pelos Estados Unidos ao general Qassim Suleimani, comandante das Forças Quds - unidade especial da Guarda Revolucionária do Irã.

Teerã prometeu uma "retaliação severa" à ação.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários