Governador de Nova York diz que Estado vai dobrar meta de testes para covid-19

Andrew Cuomo afirmou nesta terça-feira que teve uma reunião 'muito produtiva' com o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump

Por ESTADÃO CONTEÚDO

Membros da Guarda Nacional do Exército trabalham em local de testes de coronavírus aberto recentemente em 21 de abril de 2020 no bairro de Brooklyn, em Nova York
Membros da Guarda Nacional do Exército trabalham em local de testes de coronavírus aberto recentemente em 21 de abril de 2020 no bairro de Brooklyn, em Nova York -
O governador de Nova York, Andrew Cuomo, afirmou nesta terça-feira que teve uma reunião "muito produtiva" com o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump. "Concordamos que o Estado será responsável por gerenciar os testes para covid-19 em nossos laboratórios", escreveu o governador em sua conta oficial no Twitter.

De acordo com Cuomo, o Estado agora pretende dobrar a capacidade de realização de testes para covid-19, de 20 mil para 40 mil por dia. "É uma meta ambiciosa, mas é fundamental que aceleremos os testes", declarou. O governador disse, também, que o governo federal assumirá a responsabilidade por "questões da cadeia de suprimentos", necessários para o combate ao novo coronavírus, que estão além do controle dos Estados.

Antes de apresentar o plano de reabertura da economia americana em três fases, com orientações aos Estados, Trump protagonizou um embate com alguns governadores, entre eles Cuomo, sobre quem teria autoridade para decretar o fim da quarentena, adotada para conter a disseminação do coronavírus no país.

Comentários