Kamala Harris, candidata a vice-presidente dos Estados Unidos com Joe Biden - AFP
Kamala Harris, candidata a vice-presidente dos Estados Unidos com Joe BidenAFP
Por IG - Último Segundo
Washington - Na última quarta-feira, a senadora democrata Kamala Harris, 55, fez a sua estreia como vice-presidente de Joe Biden. Em primeiro ato oficial, a candidata criticou “a má gestão da pandemia” de Donald Trump.
Harris disse que a atuação de Trump durante a pandemia de covid-19 inseriu a nação “na pior crise econômica desde a Grande Depressão”. A senadora também frisou a importância do voto e afirmou estar orgulhosa de concorrer ao lado de Joe Biden.
Publicidade
“Faço isso levando em consideração todas as mulheres heroicas e ambiciosas que me precederam e cujo sacrifício, determinação e resiliência tornam a minha presença aqui hoje ainda possível", falou Kamala.
A senadora também lembrou de um episódio que ocorreu em Charlottesville, em 2017. Manifestantes protestavam contra um comício de supremacia branca quando foram atropelados.
Publicidade
"Precisamos de uma gestão que prove que os últimos anos não representam quem somos ou quem queremos ser. Quando viu o que aconteceu em Charlottesville há três anos, Joe soube que estávamos em uma batalha pela alma da nossa nação. E, juntamente com a sua ajuda, essa é uma batalha que vamos vencer”, apontou.
Harris declarou, ainda, que os Estados Unidos precisam de uma liderança. “Temos um presidente que se importa mais consigo mesmo do que com as pessoas que o elegeram, um presidente que está tornando cada desafio que enfrentamos ainda mais difícil de resolver”, concluiu a senadora.