Cariocas se aglomeram nas areias do Leme - Luciano Belford
Cariocas se aglomeram nas areias do LemeLuciano Belford
Por AFP
Washington - A Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS) advertiu, nesta terça-feira, que os jovens são os principais propagadores de coronavírus nas Américas.
Em entrevista coletiva, Carissa Etienne, diretora da OPAS, braço regional da Organização Mundial da Saúde (OMS), manifestou sua preocupação com a "incidência desproporcional" da doença entre os jovens.
Publicidade
Isso nos indica que "as pessoas jovens são os principais impulsores da propagação da doença na nossa região", afirmou.
A especialista afirmou que existe um padrão semelhante em todo o continente de concentração de casos no grupo de 20 a 59 anos, mas que 70% das mortes ocorrem entre as pessoas de mais de 60 anos.
Publicidade
Etienne expicou que muitos dos jovens que se infectam apresentam quadro leve e não precisam de internação em UTI, mas transmitem a doença para outras pessoas que serão internadas.
Para a diretora da OPAS, este é um lembrete de que o combate à COVID-19 é uma "responsabilidade compartilhada".
Publicidade
"Se uma pessoa não tomar as medidas necessárias para se manter à salvo, pode estar colocando outras pessoas em risco", destacou.