Por AFP
O Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) pediu nesta quinta-feira a autoridades da Nicarágua e à sociedade o fim da "violência sexual e do assassinato" de crianças e adolescentes, que deixou este ano 11 vítimas no país.

O Unicef expressou "preocupação profunda com os crimes e a violação sexual de crianças e adolescentes registrados no país". O órgão lamentou, especialmente, o assassinato de duas meninas, de 10 e 12 anos - uma das quais teria sido estuprada - no último sábado, quando banhavam-se em um rio próximo à sua residência, no município de Mulukuku, a 245 km de Manágua.