Segundo a pasta, há 748.883 pacientes em acompanhamento e 6,75 milhões recuperados  - Divulgação
Segundo a pasta, há 748.883 pacientes em acompanhamento e 6,75 milhões recuperados Divulgação
Por AFP
Os Estados Unidos registraram 3.927 mortes por covid-19 em 24 horas nesta quarta-feira (30), um novo recorde para o país mais atingido pela pandemia no mundo, de acordo com dados da Universidade Johns Hopkins.

O novo recorde eleva para 341.845 o número de mortes pelo novo coronavírus na principal potência mundial, de acordo com uma revisão diária feita pela AFP dos números do Johns Hopkins, que são atualizados continuamente.

Com 189.671 novos casos em 24 horas, os Estados Unidos também estão se aproximando rapidamente da marca de 20 milhões de contaminações, tendo ultrapassado 19 milhões no domingo. A Índia, segunda em número de infecções, está bem atrás, com 10,2 milhões de casos.

Os Estados Unidos enfrentam um repique espetacular da epidemia desde o outono, acentuado pela grande celebração familiar de Ação de Graças no final de novembro, o que poderá acontecer novamente com as comemorações de fim de ano.

O famoso imunologista americano Anthony Fauci disse no domingo que o pior da pandemia ainda está por vir no país.

A campanha de vacinação, pela qual cerca de 2,8 milhões de pessoas já haviam recebido a primeira dose na quarta-feira, não vai amenizar a tendência atual de aumento do número de casos.