Presidente do país acusou agricultores de deixar uma queimada se espalhar e os militares de negligência
Presidente do país acusou agricultores de deixar uma queimada se espalhar e os militares de negligência AFP/Arquivos
Por O Dia
Subiu para 98 o número de mortos em quatro explosões em um acampamento militar em Bata, na Guiné Equatorial, de acordo com informações do Ministério da Saúde, divulgadas nesta segunda-feira (8), após voluntários revistarem os escombros em busca de vítimas. O acampamento militar do bairro de Nkota Ntoma abriga membros das forças especiais e da gendarmeria.
Ao menos 615 pessoas ficaram feridas. Entre eles, 299 permanecem hospitalizados, segundo a pasta. Em um hospital de Bata, vítimas receberam os primeiros socorros no chão.  Casas e prédios ao redor do acampamento militar ficaram destruídos e as ruas cheias de escombros. E