Espanha prorroga restrições às chegadas do Brasil, Reino Unido e África do Sul
Espanha prorroga restrições às chegadas do Brasil, Reino Unido e África do SulRovena Rosa/Agência Brasil
Por AFP
Madri - O governo espanhol anunciou nesta terça-feira (9) uma nova prorrogação, até 30 de março, das restrições impostas aos voos do Brasil, Reino Unido e África do Sul, para evitar a propagação de variantes do coronavírus.

Durante semanas, a Espanha, como outros países, aplicou essas restrições, que determinam que apenas os cidadãos espanhóis e estrangeiros residentes na Espanha e Andorra podem vir desses países.

A outra exceção são os passageiros em trânsito, que não podem sair do aeroporto ou permanecer por mais de 24 horas.

No caso do Reino Unido, a medida, que também inclui o tráfego de navios, foi tomada pelo governo espanhol em 22 de dezembro.

No caso da África do Sul e do Brasil, a limitação está em vigor desde 2 de fevereiro.

Antes do anúncio desta terça-feira, as medidas vigoravam até 16 de março.

As cepas detectadas no Reino Unido, África do Sul e Brasil preocupam a comunidade internacional em relação a sua transmissibilidade e a eficácia das vacinas contra elas.

O governo espanhol também impôs uma quarentena obrigatória de dez dias, ou sete dias no caso de um teste covid-19 negativo, a todos os viajantes que chegam do Brasil e da África do Sul.

A Espanha, um dos países europeus mais afetados pela pandemia do coronavírus, já registrou mais de 71.000 mortes e mais de três milhões de infecções.