O governo francês decidiu suspender "até novo aviso" todos os voos entre Brasil e França por causa de preocupações em torno da variante brasileira da covid-19
O governo francês decidiu suspender "até novo aviso" todos os voos entre Brasil e França por causa de preocupações em torno da variante brasileira da covid-19 AFP
Por AFP
Os viajantes procedentes do Brasil, Argentina, Chile e África do Sul que violarem a quarentena obrigatória de 10 dias ao chegar à França terão que pagar uma multa de 1,5 mil euros (aproximadamente R$ 10.050), anunciou o porta-voz do governo, Gabriel Attal.
"A polícia fará controles para verificar que estão no local onde devem permanecer isolados", disse Attal à rádio Europe 1. Em caso de reincidência, a multa chegará a 3.000 euros, completou.
Publicidade
A França anunciou no sábado que estabelecerá uma quarentena obrigatória de 10 dias para os viajantes procedentes do Brasil, Argentina, Chile e África do Sul, devido à preocupação crescente com as variantes de covid-19.
Os voos com o Brasil estão suspensos, mas prosseguem com os outros três países, pois, segundo Paris, a presença de variantes "não alcança os níveis observados no Brasil".
Publicidade
A quarentena obrigatória para os viajantes será aplicada de maneira progressiva até sua entrada plena em vigor em 24 de abril. Também afetará os viajantes procedentes do território francês da Guiana.