Presidente chinês visita o Brasil na próxima semana

Xi Jinping participará da reunião de cúpula dos BRICS dia 15 de julho em Fortaleza. No encontro, deve ser anunciada a criação de um banco de fomento do bloco

Por marta.valim

O presidente chinês, Xi Jinping, fará na próxima semana um giro pela América Latina, começando pelo Brasil, onde participará da reunião de cúpula dos BRICS, e terminando por Cuba.

Xi Jinping co-presidirá no dia 15 de julho em Fortaleza a cúpula do grupo de grandes nações emergentes, ao lado da presidente Dilma Rousseff, do presidente russo, Vladimir Putin, do sul-africano Jacob Zuma e do indiano Narendra Modi, indicou nesta segunda-feira à imprensa o vice-chanceler chinês, Li Baodong.

No dia seguinte, os líderes dos BRICS se reunirão em Brasília com os presidentes de países sul-americanos para seguir ampliando a relação do bloco com nações em desenvolvimento.

O presidente chinês terá na cidade nordestina seu primeiro encontro com Modi, novo chefe de Governo do segundo país mais populoso do mundo.

Na reunião de cúpula de Fortaleza os líderes dos países emergentes devem aprovar a criação de um banco de fomento e de um fundo de reservas próprias.

Segundo Li, o encontro brasileiro é um momento muito propício para anunciar a criação do banco de fomento dos BRICS, destinado a financiar projetos de infraestrutura e desenvolvimento.

Xi prosseguirá a viagem sul-americana por Argentina, Venezuela e Cuba, um velho aliado comunista.

A China é o segundo sócio comercial mais importante da ilha, atrás apenas da Venezuela.

O vice-chanceler Li declarou nesta segunda-feira que China e Cuba são "bons amigos, bons camaradas e bons irmãos".

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia