Rosneft e ExxonMobil lançam projeto petrolífero apesar de sanções contra Rússia

Os grupos lançaram trabalhos de exploração no mar de Laptev na Sibéria

Por marta.valim

O grupo petroleiro russo Rosneft anunciou nesta terça-feira o lançamento dos trabalhos de exploração com seu sócio norte-americano ExxonMobil no mar de Laptev, ao norte da Sibéria, apesar das sanções contra o setor petroleiro russo adotadas pelos Estados Unidos.

Os dois grupos começaram a explorar dois blocos petroleiros de mais de 200.000 metros quadrados. As tarefas continuarão até o final de outubro, afirmou Rosneft em um comunicado.

O grupo Rosneft, dirigido por Igor Sechin, assessor do presidente russo Vladimir Putin, foi acrescentado em julho à lista de empresas sancionadas por Washington pela atuação de Moscou no conflito ucraniano, em que é acusada de ingerência. Entretanto, o grupo russo garante que continua trabalhando com grandes empresas petrolíferas ocidentais.

Em agosto a Rosneft lançou outro projeto com a ExxonMobil no mar de Kara, também no norte da Sibéria, a oeste do mar de Laptev.

O grupo, privado do acesso aos mercados financeiros norte-americanos, é integrado em 69% pelo Estado russo. Recentemente pediu ajuda pública para reembolsar sua pesada dívida, de cerca de 45 bilhões de dólares.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia