Chuvas em Angola deixam mais de 20 mortos e dezenas de desaparecidos

Lubango foi uma das cidades mais afetada pelos temporais. Várias pessoas foram arrastadas durante a chuva

Por rafael.souza

Nairóbi - Pelo menos 24 pessoas morreram e dezenas estão desaparecidas por causa dos fortes chuvas que nos últimos dias atingiram o sudeste de Angola, informou nesta quinta-feira a imprensa local.

Uma das cidades mais afetadas pelo temporal foi LubangoReprodução

Uma das cidades mais afetadas foi Lubango, onde o aumento do rio destruiu um mercado onde vários jovens angolanos lavavam carros e bicicletas. Na ocasião, mais de 24 pessoas morreram arrastadas pela correnteza, segundo informou a agência de notícias angolana "Angop", embora o número possa aumentar nas próximas horas já que cerca de 30 pessoas seguem desaparecidas na região.

A temporada de chuvas em Angola, que normalmente ocorre entre fevereiro e maio, traz fortes precipitações e inundações que costumam provocar dezenas de mortes todos os anos.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia