Brasil lamenta acidente com voo da EgyptAir

Ministério das Relações Exteriores divulgou nota de pesar

Por rafael.souza

Brasília - O Ministério das Relações Exteriores divulgou nota nesta sexta-feira informando que “o governo brasileiro tomou conhecimento, com grande pesar, do desastre com o voo MS804 da companhia Egypt Air, que vitimou 66 pessoas, em sua maioria cidadãos egípcios.”

O Itamaraty acrescenta que “o Brasil transmite aos familiares das vítimas e aos governos do Egito e dos demais países que tiveram seus nacionais entre as vítimas sua solidariedade e suas condolências.”

Destroços encontrados

Parte de um corpo, duas poltronas e uma ou várias malas foram encontradas nesta sexta pelas equipes que procuram os destroços do avião da Egypt Air que, na quinta-feira, caiu no Mediterrâneo, informou o ministro da Defesa grego, Panos Kammenos.

Em entrevista, ele disse que as informações foram dadas por autoridades egípcias, encarregadas da coordenação das buscas na zona do presumível local da queda do avião, que desapareceu na quinta-feira entre a ilha de Creta e a costa egípcia com 66 pessoas a bordo.

As forças armadas egípcias tinham anunciado pouco antes, embora sem dar detalhes, a descoberta de destroços e objetos pessoais de passageiros do voo MS804 “290 quilômetros a norte de Alexandria”.

Os objetos foram encontrados “um pouco mais ao sul” do presumível local de queda, calculada pelas autoridades gregas a 130 milhas da ilha de Karpathos, disse o ministro.

“As buscas continuam. Parece que aviões aliados localizaram outros destroços numa outra zona, mas não há nenhuma confirmação oficial de que são destroços do avião”, disse Kammenos. O avião da Egypt Air desapareceu dos radares ao início de quinta-feira, depois de fazer duas curvas acentuadas e cair no mar.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia