Sambista Thiago Cunha entra em estúdio

CD terá 12 faixas autorais. Verba para a gravação está sendo levantada com a ajuda de fãs, amigos e parentes

Por paulo.gomes

Niterói - Mais um artista de Niterói está perto de ter seu próprio disco. A vez é do cantor e compositor Thiago Cunha. O álbum Andarilho, de 12 faixas autorais, já tem repertório e está sendo gravado. Mas o sambista conta que ainda não tem os R$ 10 mil necessários para bancar todos os gastos. Aí o jeito foi recorrer para a galera.

Há três meses o músico lançou a campanha de arrecadação de cotas ‘Todos junto nesse sonho’, na qual ele recebe contribuições a partir de R$ 20.

Thiago Cunha pode ser visto toda sexta-feira na roda da Toca da GambáDivulgação

O benfeitor terá seu nome no CD e ganhará desde uma unidade autografada até um pocket show, dependendo do valor doado. “É tipo um Thiago Esperança”, brinca o músico, que já conseguiu metade do dinheiro. As instruções para quem quiser ajudar estão no site thiagocunha.net.

De acordo com ele, o trabalho é inspirado em ídolos como Chico Buarque, Cartola, Candeia, Arlindo Cruz e Zeca Pagodinho.

Nascido e criado em Niterói, Thiago participa de rodas de samba desde os 13 anos. Estudou música e já fez parte dos grupos Sacode Carola e Tio Samba. Atualmente, toca toda sexta-feira na Toca da Gambá e ainda dá aula particular de violão e cavaquinho.

“Sempre fui muito ligado à música. Comecei tocando pagode nos anos 90 e depois que conheci o samba nunca mais larguei. É muito bom participar das rodas”, conta.

Thiago espera lançar o CD até o final do ano para conseguir se inscrever no Prêmio da Música Brasileira como revelação do samba. Ele adianta que o público pode esperar muita animação de seu trabalho. “Eu não faço música para mim, eu toco para os outros. Em meus shows estou sempre improvisando, cantando o que a galera pede e gosta”, completou ele.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia