Cercamento eletrônico de 70 câmeras lê placas e identifica veículos, enviando informações ao CISP, que monitora com 500 câmeras e aciona policiais - Divulgação / CISP
Cercamento eletrônico de 70 câmeras lê placas e identifica veículos, enviando informações ao CISP, que monitora com 500 câmeras e aciona policiaisDivulgação / CISP
Por O Dia
Niterói – Policiais do Programa Niterói Presente prenderam nesta segunda-feira um rapaz e recuperaram, em Santa Rosa, um carro que havia sido roubado sábado no Fonseca. O veículo foi identificado pelas câmeras inteligentes do cerco eletrônico instalado na cidade e operado pelo Centro Integrado de Segurança Pública (CISP) da Prefeitura de Niterói. Ao todo, já são mais de 100 veículos recuperados pelo Niterói Presente desde o início do programa na cidade, em dezembro de 2017.
Implantado pela Prefeitura, o sistema de cercamento eletrônico – composto por 70 câmeras que conseguem ler placas e identificar características de veículos – reconheceu o veículo e alertou os guardas que operam o CISP. Os agentes municipais começaram a monitorar o veículo pelas 500 câmeras espalhadas pela cidade e acionaram os policiais do Niterói Presente, que abordaram o carro sem nenhum disparo e conduziram o motorista à delegacia, onde foi verificado que o condutor já possuía antecedentes criminais por tráfico de drogas.
Publicidade
Na última sexta-feira, em menos de 20 minutos, policiais do Niterói Presente recuperam outro carro roubado com ajuda das câmeras inteligentes do cerco eletrônico e prenderam um dos três homens que estavam no veículo. Os outros dois criminosos conseguiram fugir a pé. No carro, os agentes encontraram pertences das vítimas, como computadores, bolsa, celular, carteira e R$ 200 em espécie, que foram levados para a 76ª DP (Centro) junto com o preso.
“Estamos no caminho certo. Com as ferramentas disponibilizadas pela Prefeitura para ajudar no combate à criminalidade, todos os dias temos resultados positivos. A ação integrada do Niterói Presente, com Polícia Militar e Guarda Municipal está sendo essencial. Vamos avançar cada vez mais", afirma o subsecretário do Gabinete de Gestão Integrada, coronel Gilson Chagas.
Publicidade
Totalmente custeado pela Prefeitura, o Niterói Presente disponibiliza, diariamente, o reforço de 400 homens nas ruas de sete bairros da cidade - Icaraí, Santa Rosa, Centro, Fonseca, São Francisco, Charitas e Jurujuba - liberando o efetivo do 12º BPM para atuar em outras regiões da cidade. Em dois anos, os agentes prenderam mais de 400 pessoas com mandados emitidos pela Justiça. Grande parte era de foragidos do sistema penitenciário. Também foram apreendidas mais de 40 armas de fogo nesse período. Atualmente, graças ao programa, aproximadamente 60% do policiamento de Niterói é financiado pela Prefeitura.
Vídeo da ocorrência desta segunda-feira:
https://wetransfer.com/downloads/8b40124a3f2a46475ad5906083e1d3aa20200217205027/a75ceb0d7d945e742c64cae512d107f620200217205027/6f9694