Concentração do bloco será na Praça do Rink a partir das 17h - Divulgação / Bruno Eduardo Alves
Concentração do bloco será na Praça do Rink a partir das 17hDivulgação / Bruno Eduardo Alves
Por O Dia
Niterói - Desfila no Centro nesta quinta-feira às 17h o bloco "Não é Não", criado pela Coordenadoria de Políticas e Direitos da Mulher (Codim) da Prefeitura. A inspiração e o lema são a campanha nacional contra o assédio sexual no Carnaval. Para a folia deste ano, a novidade fica a cargo da tatuagem para as mulheres participantes gravarem na pele o grito por respeito. São duas cores pensadas especialmente para diferentes tons de pele. A expectativa é que a adesão dobre em relação à edição do ano passado.
Niterói é o único município da região metropolitana que tem dentro da campanha um bloco criado com essa finalidade. O desfile será realizado na Praça do Rink, com concentração a partir das 17h.
Publicidade
“O bloco surgiu da necessidade de fortalecer a luta das mulheres e dar visibilidade à campanha. O assédio ocorre ao longo do ano todo, porém, no carnaval, é mais acentuado, já que a mulher está exposta e o homem tem um entendimento de que tudo é permitido”, explica a subsecretária da Codim, Ana Lúcia Fernandes. “A mulher tem o direito de participar da maior festa popular sem ser assediada, importunada e constrangida”.